quarta-feira, 17 de abril de 2013

Escola dos EUA proíbe calça legging




Depois de banida das salas de aula em escolas dos estados de Minnesota e Pensilvânia, nos Estados Unidos, a calçalegging tem seu uso cada vez mais apertado nos colégios da Califórnia, um dos mais liberais do país. Segundo a rede de TV norte-americana ABC News, na segunda-feira (15), o colégio Kenilworth chamou todas as garotas da instituição para informar que calças de yoga, calças legging e mesmojeans apertada estavam proibidas porque desviam a atenção dos alunos. O uso da legging só é permitido se acompanhado de uma saia um short. Segundo a diretora da Kenilworth Junior High, Emily Dunnagan, o tipo de calça se tornou popular entre as garotas, mas muitas são excessivamente finas. “O problema é quando a garota se abaixa.”

Apesar do desapontamento de alunos e alunas, os pais apoiaram a medida. Segundo pais de alunos da escola entrevistados pela revista Time, a proibição ajuda a conter a fase de explosão hormonal dos garotos e estimula o uso de roupas mais apropriadas ao ambiente escolar.


Nota: Note a sutil decadência da moda: antes a calça legging era usada por baixo de uma camiseta longa, depois passou a ser usada sem nada por cima. Observe a foto acima e perceba a contradição que, infelizmente, “acometeu” também os cristãos: o homem usa roupas soltas, enquanto a mulher veste roupas justas que retratam o corpo. Ocorre que é o homem quem é mais tentado pelo que vê, enquanto a mulher sofre menos com esse tipo de tentação visual. Inverter as coisas não seria uma boa ideia (afinal, um homem de legging ficaria, no mínimo, ridículo). O ideal seria que ambos os gêneros utilizassem roupas decentes e que não retratassem suas formas. É exatamente isso o que nos recomendam os princípios cristãos, mas ocorre que a moda (como tantas outras tendências) vai introduzindo bem aos poucos conceitos com os quais as pessoas vão também aos poucos se acostumando. E o senso crítico e do ridículo acaba abafado pela “onda” do tudo mundo faz/veste

Deus abençoe.
comente!
seu comentário é muito importante para nos,


Nenhum comentário:

Postar um comentário

;